Cães mensageiros da Primeira Guerra Mundial

cachorro com minução e mensagens
Pastor alemão mensageiro pronto para transportar mensagens, munição, entre outras coisas, durante a Primeira Guerra Mundial. Créditos: autoria desconhecida.

Além de pombos e radiocomunicadores, os melhores amigos do homem — cães — também serviram como eficiente meio de comunicação e transporte de pequenos materiais durante os horrores da Primeira Guerra Mundial (1914-1918).

Presilhas e tubos para mensagens eram fixados à coleira do cão que, por sua velocidade e agilidade, mostrava-se um difícil alvo para atiradores inimigos.

Sua capacidade de saltar e driblar trincheiras e arame farpado, assim como rapidamente percorrer longas distâncias, fizeram-no ser utilizado por ambos os lados durante a guerra.

Confira da rotina dos cães mensageiros:

cão saltando trincheira
Cão mensageiro fotografado no exato momento em que salta trincheira alemã, durante a Primeira Guerra Mundial. Créditos: Museu Imperial da Guerra, Londres, Inglaterra.
homens e cachorros em canil francês
Canil central francês, Primeira Guerra Mundial. Créditos: autoria desconhecida.
soldado e cachorro com máscara de gás
Cão equipado com máscara de gás em canil francês, durante a Primeira Guerra Mundial. Créditos: autoria desconhecida.
soldado e cachorros feridos
Cães mensageiros medicados após ferimentos. Créditos: autoria desconhecida.
REFERÊNCIA:
GORZONI, Priscila. Animais nas Guerras: A força do exército de bichos nas grandes batalhas da História. São Paulo: Matrix, 2010.
WILLMOTT, H. P.. Primeira Guerra Mundial. trad. Cecília Bartalotti, Myriam Campello, Renato Aguiar. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2008.
IMAGEM(NS):
Buscou-se informações para creditar a(s) imagem(ns), contudo, nada foi encontrado. Caso saiba, por gentileza, entrar em contato: [email protected]
Autor: Eudes Bezerra

31 anos, pernambucano arretado e graduado em Direito. Diligencia pesquisas especialmente sobre História Militar, Crime Organizado e Sistema Penitenciário (além de tudo que consta no site). Gosta de ler, escrever e planejar. Na Internet, atua de capacho a patrão, enfatizando a criação de conteúdo.

Publicações de Eudes Bezerra
Top