7 Fatos sobre a história do Partido dos Panteras Negras

partido dos panteras negras marchando
Panteras Negras marchando para uma coletiva de imprensa em Nova Iorque para protestar contra o julgamento de um de seus membros, Huey P. Newton, 22 de julho de 1968. Créditos: MPI / Getty Images.

O Partido dos Panteras Negras foi criado há mais de meio século, mas muito de seus fatos foram propagados de forma errada (ou com má-fé). Um documentário de Stanley Nelson, passado para os norte-americanos, mostrou vários fatos sobre as convicções, contribuições e dificuldades do partido.

O documentário de Stanley Nelson mostrou várias verdades por trás do Partido dos Panteras Negras. Além disso, o filme também deu destaque para à forte reação institucional que o movimento de libertação obteve do governo e da polícia.

Abaixo você confere importantes fatos para entender melhor os Panteras Negras, desde o início do grupo em 1966, até seu rompimento, em 1982. Boa leitura!¨
camisas dos panteras negras

SUMÁRIO

#1 – Um amor infinito pelas pessoas: esse era o princípio central que guiava o Partido dos Panteras Negras
#2 – Os objetivos do Partido dos Panteras Negras foram traçados em um plano de 10 pontos
#3 – Os Panteras Negras acompanhavam o comportamento da polícia nas comunidades negras
#4 – O Partido dos Panteras Negras cresceu bastante e passou a chamar atenção de diversas cidades
#5 – “Liberte Huey” virou um grito de guerra contagiante após a prisão de Huey Newton, em 1967
#6 – Os Panteras Negras ressaltaram a beleza negra, fazendo com que mais membros fossem atraídos para o partido
#7 – Os Panteras Negras fizeram o maior protesto da história das Olimpíadas
Referências

#1 – Um amor infinito pelas pessoas: esse era o princípio central que guiava o Partido dos Panteras Negras

O Partido dos Panteras Negras para Autodefesa, conhecido como o Partido dos Panteras Negras, foi criado em 1966. Seus criadores foram Huey Newton e Bobby Seale.

Os dois revolucionários fundaram a organização nacional como forma de combater a opressão dos brancos, coletivamente. A ideia veio após os negros sofrerem, de forma constante, com a tortura que era realizada por policiais no país todo.

Huey Newton e Bobby Seale ajudaram na formação do primeiro grupo de libertação de negros. O intuito era ajudar na construção de uma comunidade, além de confrontar sistemas corruptos de poder.

integrantes dos panteras negras
Membros dos Panteras Negras protestando em frente à corte de justiça em Nova Iorque, 11 de abril, 1969. Créditos: David Fenton / Getty Images.

#2 – Os objetivos do Partido dos Panteras Negras foram traçados em um plano de 10 pontos

Uma espécie de lemas foi criada com 10 pontos, dentre os quais se encontrava exigências como educação, emprego, habitação, liberdade, terra, dentre outros pontos importantes.

#3 – Os Panteras Negras acompanhavam o comportamento da polícia nas comunidades negras

Em 1996, a polícia agia de forma violenta em Los Angeles. Por conta disso, era necessário proteger homens e mulheres dessa violência excessiva.

Como forma de resolver o problema, membros do Partido dos Panteras Negras, apareciam enquanto homens e mulheres eram presos e ficavam vigiando as ações ao longe. No documentário, Newton afirma que eles faziam isso para ter certeza que não iria acontecer nenhuma brutalidade.

Tanto os policiais, como os Panteras Negras ficavam frente a frente, armados. Naquela época, o ato estava de acordo com as leis de porte de armas da Califórnia. Esses confrontos possibilitavam que os Panteras Negras vigiassem a polícia e protegessem suas comunidades.

#4 – O Partido dos Panteras Negras cresceu bastante e passou a chamar atenção de diversas cidades

O partido tinha o intuito de aumentar o número de seguidores, outras pessoas negras que sofriam brutalidades da polícia diariamente. Depois que negros de todo o país viram os esforços dos Panteras Negras pela mídia, mais homens e mulheres ficaram interessados em participar da organização.

Isso aconteceu, principalmente, depois que os Panteras invadiram a sede do governo da Califórnia em Sacramento, armados, em 1967.

O grupo também abordava questões como bem-estar, moradia e saúde, indo ao encontro dos desejos da população negra do país inteiro. O partido cresceu muito rápido, sem estabelecer um processo de triagem. Afinal, o objetivo era recrutar o máximo de pessoas possível.

Muhammad Ali com os Panteras Negras
O campeão dos peso-pesados de boxe americano Muhammad Ali caminhando nas ruas de Nova York com membros do Partido dos Panteras Negras em meados de setembro de 1970. Créditos: Fenton/ Getty Images.

#5 – “Liberte Huey” virou um grito de guerra contagiante após a prisão de Huey Newton, em 1967

Huey foi acusado de matar o policial John Frey, de 23 anos, a tiros durante uma blitz. Depois do tiroteio, Huey foi levado para um hospital com graves ferimentos, algemado em uma maca. Ele ficou em quarto que era vigiado fortemente por policiais.

Como resultado da sua hospitalização e prisão, Eldrige Cleaver passou a ser o líder dos Panteras Negras e exigiu que Huey fosse libertado. “Liberte Huey” virou a frase do movimento que exigia a libertação do revolucionário.

#6 – Os Panteras Negras ressaltaram a beleza negra, fazendo com que mais membros fossem atraídos para o partido

Na época, a visão de mulheres e homens negros esbanjando seus cabelos afros, exerceu um apelo grande para muitos negros. Dessa forma, os negros passavam a ser retratados de outra forma, fazendo que muitos jovens quisessem se filiar ao partido.

#7 – Os Panteras Negras fizeram o maior protesto da história das Olimpíadas

Durante as Olimpíadas de 1968, no México, os velocistas Tomie Smith e John Carlos (membros do Partido dos Panteras Negras) proporcionaram ao mundo o incrível de registro em cima do pódio dos 200 metros rasos, quando ergueram seus punhos conta o racismo diante do mundo inteiro.

Tomie Smith e John Carlos, assim como Peter Norman que aderiu ao protesto, foram severamente punidos, mas o ato permanece icônico como o maior protesto das Olimpíadas.

Tommie Smith e John Carlos
O maior protesto da história das Olimpíadas foi contra o racismo. Créditos: John Dominis.

Agora você conhece a história do Partido dos Panteras Negras. Quer enaltecer os valores da luta por direitos civis iguais? Então que tal adquirir nossa camisa com uma imagem histórica dos Panteras Negras? Está à venda no nosso site. Confira e aproveite os 15% de desconto na primeira compra.


REFERÊNCIAS:¨

DUNCAN, Garrett Albert. Black Panther Party. Acesso em: 28 jan. 2019.
FINLEY, Taryn; WORKNEH, Lilly. 27 Important Facts Everyone Should Know About The Black Panthers. Acesso em: 28 jan. 2019.
Theblackpanthers – vanguard of the revolution. Acesso em: 28 jan. 2019.
Autor: Eudes Bezerra

31 anos, pernambucano arretado e graduado em Direito. Diligencia pesquisas especialmente sobre História Militar, Crime Organizado e Sistema Penitenciário (além de tudo que consta no site). Gosta de ler, escrever e planejar. Na Internet, atua de capacho a patrão, enfatizando a criação de conteúdo.

Publicações de Eudes Bezerra
Top